Dia 17:Joint Security Area – Zona de Risco

Joint Security Area ( Zona de Risco), 2000
(Gongdong gyeongbi guyeok)

Joint-Security-Area

País: Coreia do Sul

 Diretor: Park Chan-Wook

Elenco: Yeong-ae Lee, Byung-hun Lee, Kang-ho Song, Tae-wo Kim, Ha-kyun Shin

SINOPSE:Na zona militarizada da fronteira entre as duas Coreias acontece um crime. Dois soldados da parte comunista aparecem mortos a tiros.Um militar sul coreano é capturado no local e é considerado o assassino, pelos dois lados.Entretanto ninguém sabe como e porque aconteceram os assassinatos. O lado Norte afirma que o acusado simplesmente invadiu o local e saiu atirado e matando todos que viu pela frente. Já o lado Sul afirma que os inimigos do Norte simplesmente invadiram a fronteira de forma ilegal e capturaram o militar que,para se defender, matou os dois.Qual dos dois lados está falando a verdade?

 Para descobrir a verdade uma comissão neutra formada por militares da Suíça e da Suécia é convocada. A chefe da investigação é uma Suíça de origem de descendência coreana.A medida que avança na investigação ela vai percebendo que na realidade ninguém está falando a verdade.

COMENTÁRIO:Esse excelente filme marca a estréia na direção de Park Chan Wook, que ficou super conhecido depois ao fazer a sua trilogia da vingança (“Sympathy for Mr. Vengeance”, “Old Boy” e “Sympathy for Lady Vengeance”). Mas aqui ele já demonstra um enorme talento, ao contar essa história intrigante e surpreendente.

 No começo do filme, a história se centraliza apenas na investigação da militar suíça, que rapidamente descobre que as duas versões oficiais do caso são para inglês ver.Ela começa então uma investigação minuciosa de todos os detalhes, mesmo os aparentemente insignificantes.
 Poderia ser apenas um filme de investigação, uma espécie de CSI Coreia, mas os filmes de Park Chan Wook, nunca são óbvios.Com o passar do filme ele vai jogando pequenos flasbacks, só que você nunca sabe quando está vendo um flashback. Além disso, o mesmo fato é mostrado em diversas versões diferentes e nunca conseguimos descobrir o que é verdade e o que é mentira. Até que no meio do filme acontece uma reviravolta, impossível de ser contata sob o risco de estragar o filme.
 Algumas partes do filme acabam por confundir, tanto que tive de rever algumas para melhor compreensão.E também para ver Byung-hun Lee, maravilhoso com aquele uniforme militar.Quando eu imagina que ele não podia ficar mais lindo….Sim, voltando.Creio que confundir era mesmo o objetivo de Park Chan-Wook, por isso JSA merece ser assistindo, mas com muita atenção.

 ALERTA SPOILER: Leia somente se já tiver assistido o filme:

 Depois dessa reviravolta, percebemos que o filme é um drama que trata de uma insólita amizade entre dois soldados de lados opostos.Eu digo insólita, porque o próprio conceito da JSA é absurda.Já que é um dos espaços mais armados do planeta separando dois países que se odeiam, por apenas uma linha de giz riscada no chão.De uma forma inusitada e até engraçada os soldados “inimigos” se conhecem e acabam iniciando uma amizade, com os soldados do sul cruzando a fronteira toda a noite.
 O interessante é que mesmo nos momentos que estão descontraídos existe sempre uma tensão pairando sobre eles. E quando a tensão explode é de uma forma sangrenta.Creio que a grande mensagem do filme é mostrar a tristeza da separação forçada de dois povos de mesma origem, língua e cultura, obrigados a serem “inimigos”.
 Esse filme é ótimo e merece ser assistido.
cotação 05 estrelas

Dados do Arquivo:

Servidor: MegaTamanho: 345,1 MBFormato: rmvbIdioma: Coreano Legenda:Português

Anúncios

Um pensamento sobre “Dia 17:Joint Security Area – Zona de Risco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s