Dia 26: Tumbok

Tumbok,2011

(Idem)

Tumbok-Movie-Poster

Diretor: Topel Lee

Elenco: Cristine Reyes, Carlo Aquino, Ryan Eigenmann, Ara Mina, Ana Capri, Malou de Guzman, Jao Mapa, DJ Durano, LJ Moreno.

SINOPSE: Grace e Ronnie acabam de se casar e herdam um apartamento na capital.
O prédio fica bem no meio, onde três estradas convergem, isso na cultura local é ruim pois atrai os espíritos.
Eles acabam se mudando para lá e logo Grace sente algo estranho no local, coisas inexplicáveis, espíritos de crianças, de adultos, de bebês que ficam a observando.
Perturbada, apavorada, e grávida, Grace busca descobrir o mistério por trás de todas as desgraças que têm acontecido.
Mas ela logo irá descobrir que não são apenas espíritos que vagueiam por lá, o local é a porta para algo muito maior e aterrador…

COMENTÁRIO:Bem, por onde começar ? O filme é ruim do começo ao fim.Mas por incrível que pareça, isso não é um defeito, pq tudo é tão mal feito que diverte muito.

Nunca, na minha vida, eu assisti um filme de terror ou qualquer outra  produção das Filipinas, mas como primeira experiência foi até agradável. É lógico que você não pode  e nem deve levar o filme a sério e acreditar que vai levar sustos , já que nem os próprios atores se assustam: (Como assim vc vê uma assombração embaixo da sua  mesa e não dá nem um gritinho ?)Mas eu acho que é falta de talento mesmo.

Tudo é muito mal feito, pobre e precário.Tanto que no começo do filme, juro que achei que fosse  uma comédia pela forma como o pai morre, muito canastrão.Além do que o ator  não era um idoso, e sim um jovem com o cabelo pintado de branco, com algo parecido com um talco.Outro momento comédia  foi na hora que aparece um maluco com um facão enorme na frente do carro.Eu ri alto nessa hora.E gargalhei quando a mocinha sai rolando escada abaixo.Falando em mocinha, depois eu fui descobrir que a atriz Cristine Reyes é um verdadeiro símbolo sexual das Filipinas, isso explica pq ele passa o filme inteiro de shortinho, mesmo nas cenas mais  “tensas”

Os pontos positivos  são o clímax no corredor  escuro que até cria uma tensão bem leve, mas muito leve mesmo.E outra coisa que eu gostei foi a sonoridade da língua filipina, que é bem interessante e até bonita.

Bom , esse filme tinha tudo pra ser uma enorme decepção, mas me diverti muito e definitivamente eu vou dar outra chance aos filmes filipinos.

cotação 02 estrelas

Dados do Arquivo:

Servidor: MegaTamanho:317,0 MBFormato: rmvbIdioma: Filipino Legenda:Português

Download

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s